Páginas

curvas, retas e esquinas

domingo, 15 de outubro de 2017

Fluxo © Copyright

Meu sangue é fonte de emoção, e se ferve brota lá na terra. Gira nesse meu mundo, e irriga meus olhos na longa espera. Se esfria é morte. Sempre quente é vida que impera. Todo esse vermelho é a cor que tinge as flores rubras, de toda a paixão que se desespera. Meu sangue é a estrada de todos os meus desejos.... Nesse meu sangue segue uma oração, e segue o fluxo....  Espalha em ritmar de despejos; irriga a fala. É a pauta da minha canção, é um rio que escalda a fera, e muda a estação. Meu liquido, são águas presas, ou soltas, entre toda leve, ou pesada sensação.... Meu sangue é fogo que incendeia, e fogueira quente, de minha forte emoção.... É a voz que anuncia a paz das minhas fronteiras, e solta as amarras abrandando a comoção.  Irrigando vai pulsando a paz de tudo, ou   a guerra...  Meu sangue, é fera banhada pela lua cheia.... É calor    do fogo desta terra. É rio que no meu eu, todo serpenteia. Meu sangue é a vida da canção, de todas as minhas caminhadas.... É a linha que sinaliza a velocidade de todas as minhas retas, ou curvas estradas. Meu sangue é a sorte, que por dentro tanto rodeia.... Meu rio é vida que se ergue, é fonte que emerge certo, por todas as minhas encruzilhadas, é vinho que me deita nas internas, ou externas calçadas.... Se solto e´ devoção, se sentimentos tortos, é fio de espadas. Muda todo doce, rumo à paz da minha esfera. Se for pureza ou sorte, é como água, é manso nas enxurradas, é como canção nos guetos, é vida que Irriga e faz florir, toda a minha Interna primavera. Meu sangue é mansidão nas enseadas. by betonicou














24 comentários:

  1. UAU! Muito lindo o teu texto querido. bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Cyntia! Gratidão minha querida. Precisamos nos reaproximar! grande beijo!

      Excluir
  2. Olá, Beto
    Venho do blog da Smareis, onde me apercebi da sua existência :)))
    E que existência!!!
    O texto que a amiga Smareis publicou despertou de tal modo a minha curiosidade que tive que vir investigar...
    Confesso que gostei muito do que vi!
    Tanto assim que me fiz sua seguidora, para não lhe perder o rumo.
    Gostaria muito de o ver lá na minha "CASA".
    Adorei este texto.
    Sangue é fonte vida!

    Continuação de boa semana.
    Beijinhos
    MARIAZITA / A CASA DA MARIQUINHAS

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Mariazita !Obrigado pela gentileza, e sinta-se em seu espaço! Vou já ate sua casa para lhe seguir também. Smareis e´de um coração do tamanho do mundo! grande beijo!

      Excluir
  3. Boa Tarde Mu Bom Amigo.
    Fiquei muito feliz com suas visitas
    num momento que a dor invadia meu coração.
    Eu tenho muito carinho com pessoas que vive o hoje abraça quando percebe que esse blogueira de verdade cai no se colo foi triste perder um primo mais que um irmão.Queria que me enviasse seu hotmail . Vou faz um mimo para todos que
    estiveram no meu blog vou resgatar pessoas de ala e coração.
    Uma linda tarde que Jesus esteja sempre contigo.
    Um carinhoso abraço..Evanir

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Evanir! Compreendo bem a situação minha querida.Triste perder um ente querido.Que Deus conforte seu coração. Sempre sera´um prazer visitar seu rico espaço! Grande beijo

      Excluir
  4. Querido amigo, mais um texto cheio de poesia e no qual devemos refletir. Costuma-se dizer : " aquele tem sangue nas veias " e isto quer fizer que é forte, que vive, que sente, que não se deixa abater pelas " curvas " ,
    pelas pedras que nos aparecem nas estradas; nem
    sempre são retas e muito menos lisas , nem as nossas
    e nem as de tantos outros e por isso há que seguir em
    frente, deixando que os nossos olhos se "irriguem " com
    o pulsar das emoções à nossa volta porque nós somos
    parte delas . Há paz, há guerras, há pureza, há maldade
    e também muita bondade e nesse complexo mundo de emoções várias é preciso que o nosso sangue corra " manso nas enxurradas" e que seja como uma "canção nos ghetos", mas que nunca o deixemos perder a cor vermelho forte; sangue é vida e, se estamos cá é para viver, não como apáticos, olhando só para o nosso umbigo, mas como verdadeiros cidadãos que conhecem os seus deveres na sociedade em que estão inseridos. E na pauta desta tua canção deixei fluir a minha emoção, o sentimento sentido e a alegria de nela ter participado, pois calou fundo na minha alma. Que o nosso sangue corra sempre forte, com paixão pela vida e por tudo o que dela faz parte, pois de outra forma ela não terá sentido. Preciso de dizer que gostei, Beto? Parabéns, amigo e muito obrigada pelo belo momento. Um beijinho
    Emilia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Emília! Emília! Você sempre trazendo á tona todo o contexto do texto! Gosto do seu jeito de resenhar a escrita .... faz com que tudo fique bem as claras e enriquece a postagem....Gosto de sua atenção pela leitura, e isso muito nos alegra ! Mais uma vez gratidão por sua linda visita nesse espaço que também e´seu. grande beijo

      Excluir
  5. Mas que texto magnífico.
    Parabéns, gostei imenso da narrativa, que é muito poética.
    Bom fim de semana, caro Beto.
    Abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Jaime! Gratidão por seu valioso comentário. tenha uma otina noite grande poeta!

      Excluir
  6. Palavras que pulsam...
    "É vida que irriga e faz florir".
    Prazer em conhecer seu blog.
    janicce.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Janice! Obrigado por ter vindo, e espero que faça desse espaço sua casa . prazer imenso em conhece-la! beijod

      Excluir
  7. Boa noite Beto!
    E ai tudo bem poeta?
    Perdoe-me por demorar um pouquinho em vim te ler, estive na correria por aqui, sem contar que o calor que estacionou por aqui não está brincadeira.
    Já tomei a liberdade de servir um cafezinho forte, opsss, vou trocar por essa limonada mineira geladinha. Sabe que aqui a gente usa um café mineiro a bastante tempo e ninguém abre mão dele, vice! 3 corações. Muito bom!
    Beto o texto foi construído lindamente, gostei da finalização do texto. Você é uma artesão das palavras; consegue colocar sentimentos, sensações, sempre de maneira maravilhosa. Fico em estado de graça sempre que te leio. Desejo sucesso nos seus projetos e torço que tudo saia da forma que deseja teu coração.
    Uma semana feliz pra ti mui amigo.
    Um abracinho e um beijo no coração.






    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi minha querida! Aqui tomamos esse café , assim como outros existentes na região. Por sinal a fabrica três corações fica perto de minha casa . rsrs Smareis, que correria e´essa nossa?! Brasil nos poe sempre em apertados laços... Obrigado pelo carinho . grande beijo e daqui a pouco estarei la´no seu blog comentando! beijos e abraços!

      Excluir
  8. Respostas
    1. Oi Iara ! Obrigado pelo carinho de sempre minha querida. Sinta-se a vontade por aqui também. grande beijo

      Excluir
  9. ¡Bueno, vengo del blog de Smareis! Y me encuentro con una bellísima prosa que enamora, felicidades.
    Un exquisito texto para leer y releer.

    Un placer pasar por esta tu casa virtual.
    Un saludo muy cordial.

    Se muy ,muy feliz.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Marina! prazer imenso te-la por aqui . espero que se sinta bem confortável e que volte. gratidão por ter lido minha escrita! grande beijo

      Excluir
  10. ¡Hola Beto!!!

    Paso de nuevo para releer tu prosa profunda brillante y exquisita con esa pasión ardiente y grandeza de poeta que habita en tu mente y tu sangre. Y de paso dejarte mi inmensa gratitud por tu huella en mi humilde espacio. Es un gran placer leerte, gracias por tu buen hacer

    Un besito y se muy-muy feliz.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Marina! Que delicia de blog você tem! Gratidão por ter vindo e saiba que sempre estarei por lá usufruindo do seu espaço. Grande beijo

      Excluir
  11. Vim à procura de mais.
    Mas gostei de reler o seu excelente texto.
    Bom fim de semana, caro Beto.
    Abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Jaime! Sempre prazerosa essas sua presença. grande abraço caro poeta.

      Excluir
  12. Uma enxurrada de belos sentimentos que faz acelerar o fluxo que vai inundar a poesia.
    Belíssimo trabalho amigo e sangre as veias das poesias sobre o mundo cinza que vivemos.
    Abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado por ter vindo toninho! Que sangre poesia da alma de Minas! grande abraço poeta.

      Excluir

people of the world comment if to like… important for the development of this work…